Você está aqui
Início > Bem Estar e Saúde >

Dicas Fundamentais para Controlar a Ansiedade

Compartilhe:

A ansiedade surge como uma reação de nossa mente a algo está para acontecer.

Nem sempre essas reações significam perigo eminente, muitas vezes se relacionam a fatores que suscitam a uma expectativa futura por exemplo.

No entanto você fica preocupado, angustiado e aflito.

Tudo isso gera um desequilíbrio emocional que afeta o corpo e a mente de forma impressionante.

Ela ocasiona medo e nervosismo, sendo que muitas vezes, as pessoas não sabem explicar o motivo para estarem se sentindo psicologicamente abaladas.

Quando isso ocorre, as sensações de desconforto que a ansiedade provoca poderão se intensificar.

Além disso, a ansiedade suscita facilmente outros sintomas que prejudicam consideravelmente a saúde.

Dores de cabeça, batimentos cardíacos irregulares, tensão muscular, agitação, insônia, dificuldades para se concentrar e irritabilidade são alguns dos problemas que ela é capaz de manifestar durante esse processo. É importante que você saiba controlá-la, pois em longo prazo sua saúde é muito prejudicada. Sendo assim, respire fundo agora, e procure ajuda imediatamente.

Quando somos jovens, mais precisamente na adolescência, tendemos a achar que o mundo deve girar mais rápido que normalmente gira. A ansiedade é nossa companheira quase que diária e não temos paciência para esperar que as coisas aconteçam no tempo certo.

Entretanto, quando chegamos à fase adulta este problema permanece em nossas vidas. Estamos falando da ansiedade, que hoje ataca grande parte dos brasileiros e é responsável por muitos sintomas psicológicos e físicos.

O que é exatamente a ansiedade?

A ansiedade, falando em termos mais gerais, é um estado psíquico de apreensão ou inquietação causada pelo desejo de antecipação das situações. Traduzindo, é querer que as coisas aconteçam antes do previsto, ou seja, é preocupar-se.

Preocupação é tão maléfico para a saúde quanto alguns distúrbios psíquicos.

Sintomas físicos

Para quem não sabe a ansiedade é capaz de causar sintomas físicos em nosso corpo. Dentre os sintomas causados pela ansiedade podemos destacar:

  • Batimentos cardíacos acelerados
  • Transpiração excessiva nas mãos
  • Dores de cabeça
  • Respiração rápida
  • Tensão muscular
  • Boca seca

O que fazer para acabar com a ansiedade?

Em geral, a ansiedade causa uma acúmulo de energia que não é utilizada e a melhora maneira para se livrar deste mal é gastar energia em atividades como esportes. Se você tem um estilo de vida sedentário e está se sentindo ansioso, a caminhada é um ótimo começo. Depois que começar a caminhar, pode tentar correr.

Esportes diariamente

Segundo a OMS, a recomendação para que se tenha uma vida saudável, além de manter um cardápio saudável, é praticar pelo menos 30 minutos de caminhada todos os dias. A caminhada melhora a circulação sanguínea, evita transtornos de ansiedade, melhora o humor e propicia outros benefícios a longo prazo.

Outra boa dica de esporte para se praticar é a natação. A natação necessita de um esforço muito grande de boa parte dos músculos do corpo e por isto gasta muita energia, sendo um ótimo exercício para se praticar a fim de se ver livre da ansiedade.

A seguir, você irá encontrar algumas alternativas que vale a pena conhecer para saber como enfrentar essas situações desencadeadas pela ansiedade.

Cuidados especiais

Evite alguns hábitos de consumo que são comuns de nossa rotina. Refrigerantes, chás e cafés em excesso são considerados um agravante ao problema, pois a maior parte das pessoas que sofrem de ansiedade são sensíveis aos componentes encontrados nessas bebidas, principalmente cafeína. Bebidas alcoólicas, também ocasionam mais ansiedade, após uma ingestão em excesso.

Bebidas que acalmam

Chá de erva desidratada de lúpulo (que fornece o sabor amargo a cerveja), tranquiliza. Basta em uma xícara de água quente adicionar 2 colheres da erva desidratada (chá ansiolítico) tome de 2 a 3 vezes ao dia. Leite morno é muito recomendado também, pois age contra a insônia e diminui a tensão característica da ansiedade.

Ele apresenta propriedades, como aminoácidos e triptofano que provoca sensações de conforto.

Faça exercícios

Tenha o hábito de exercitar seu corpo e mente. Dedicar um período do dia para dar especial atenção exclusivamente a você, vale a pena. Caminhadas são ótimas estimuladoras de endorfinas, e são benéficas às sensações de bem estar que logo são sentidas. Procure um local de sua preferência para caminhar, e melhore tudo em sua vida.

Além disso, outro exercício que você encontra alívio para a sua tensão, é a meditação. Ela é um dos exercícios que se deveria fazer sempre, pois a atividade mental origina pensamentos bons que afastam a ansiedade. Você irá sentir-se leve e feliz.

Monitore sua respiração

Para combater a ansiedade, é necessário que você preste atenção em sua respiração. Obter controle sobre ela o ajuda a ter sensações de alívio à tensão e nervosismo característico de quem sofre com o problema. Em um local confortável, e de preferência sentado posicione suas mãos sobre o abdômen e comece a inspirar calmamente.

Faça com que sua barriga se expanda sob as mãos, e mantenha seus ombros de forma relaxada. Após 5 segundos segurando a respiração, comece a inspirar lentamente. É importante você refazer o exercício tantas vezes forem necessários até se sentir mais calmo.

Banho com óleo de alfazema

Em um dos momentos mais prazerosos do dia, aproveite para relaxar e se sentir muito bem após o banho. Acrescente a esse momento o óleo de alfazema (também conhecido como lavanda). Se você tiver uma banheira em casa, aproveite cada instante para relaxar. Sinta todo o perfume proporcionado pelo óleo.

Você vai sentir seu corpo leve e calmo. No entanto, se preferir você também pode passar o óleo nas têmporas e na fronte.

Boas alternativas

Para reduzir a ansiedade você pode contar com algumas soluções que lhe ajudarão a acalmar a mente. Vitaminas do complexo B são uma delas, pois tem o poder de aliviar o estresse. A valerina, também é uma boa indicação para diminuir a ansiedade (250mg 2 vezes ao dia, e 250 a 500g a noite antes de ir para cama).

Escolha a que mais se adapte a você, e viva livre das perturbações que a ansiedade provoca para o corpo e espírito.

Não fique parado ao sentir qualquer um dos sintomas relacionados à ansiedade. Procure informações que possam lhe auxiliar de forma significativa, como as descritas acima. Mude seus hábitos, e consulte seu médico de preferência quando sentir que há necessidade.

É importante que não estenda o problema, para que assim, tenha tempo suficiente para melhorar. Não deixe que a ansiedade chegue ao ponto de afetar intensamente sua saúde. Ela tem cura, e você não irá conviver com isso para sempre. Tenha coragem e persistência todos os dias.

Deixe uma resposta

Top