O que é um aneurisma aórtico abdominal (AAA)?

A aorta é o principal vaso sanguíneo em seu corpo. É um comprido vaso sanguíneo vai do peito ao abdômen. Ele transporta sangue do seu coração para o restante do seu corpo. A parte da aorta do seu abdome é chamada de aorta abdominal. Ele fornece sangue ao estômago, pelve e pernas.

Aneurisma Aórtico Abdominal

Por vezes, uma área da parede de um vaso sanguíneo pode ficar fraca. Pode começar a inchar como um balão e tornar-se anormalmente grande. Essa situação é denominada de aneurisma. Se um aneurisma se forma em sua aorta abdominal e cresce muito, sua aorta pode rasgar ou chegar a explodir.

Sintomas de um Aneurisma Aórtico Abdominal

À medida que o aneurisma surge e se desenvolve, geralmente não há sintomas. Isso pode durar até mesmo anos. Muitas vezes, AAAs não causam sintomas aparentes, a menos que vazem, rasgam ou se rompam. Se isso acontecer, você pode experimentar:

  • uma dor súbita no seu abdômen, virilha, costas, pernas ou nádegas
  • náusea e vomito
  • rigidez anormal nos músculos abdominais
  • problemas de micção ou movimentos intestinais extremos
  • pele suada e enrugada.

Se você tiver estes sintomas, avise seu médico. O sangramento interno de um AAA pode colocar sem corpo em estado de choque. O choque pode ser fatal se não for tratado imediatamente.

O que causa um AAA?

Os médicos não sabem exatamente o que leva a um caso de AAA. As paredes da aorta quando ficam mais fracas aumentam a sua chance de desenvolver um aneurisma. Existem muitas condições que podem enfraquecer as paredes da aorta. Estes incluem o envelhecimento, o tabagismo e também a pressão arterial elevada. Se algum dos seguintes fatores for o seu caso, você está em maior risco de ter um AAA.

  • Ser do sexo masculino. Os homens são mais propensos do que as mulheres a desenvolver um AAA.
  • Idade. AAAs são mais comuns em pessoas de 65 anos ou mais.
  • História pessoal. Se você teve aneurismas de qualquer tipo no passado, você corre o risco de ter um AAA.
  • Fumar. O tabagismo prejudica gravemente e enfraquece as paredes da aorta.
  • Pressão alta. Ter pressão arterial elevada enfraquece a todo momento as paredes da sua aorta.
  • História de família. Se algum membro da família tiver tido AAAs no passado, você também está em maior risco. Você também pode obter um AAA antes de completar 65 anos.

Fale com o seu médico se tiver um risco maior para uma AAA ou se tiver algum dos sintomas.

********************************************************

Propaganda

Routine Age Reverse é o mais novo aliado na busca pela juventude. Com duração prolongada e nota máxima nos mais rigorosos testes de qualidade, ele oferece aquela sensação imediata de jovialidade que você sempre buscou. Controle o tempo, a escolha é sua!
– Diminui a aparência de rugas e linhas finas de expressão;
– Reduz e alisa as bolsas ao redor dos olhos;
– Deixa a pele mais lisa;
– Rejuvenescimento em apenas alguns instantes.

Para mais informações, clique aqui.

Aneurisma Aórtico Abdominal - Tratamento e sintomas

********************************************************

Como é diagnosticado um AAA?

Médicos geralmente encontram AAAs durante um exame de rotina. Eles também os acham ao fazer testes para outros problemas, incluindo dor não relacionada em seu abdômen. Os médicos recomendam uma triagem AAA para homens de 65 a 75 anos que já fumaram ou que ainda fumam.

Se o seu médico diagnosticar ou achar que o caso é um AAA, ele ou ela pode solicitar mais testes. Os testes comuns incluem:

Ultra-som ou ecocardiograma – Nesse teste, ondas sonoras são usadas para criar imagens do interior do seu corpo.

Tomografia computadorizada (TC) – O médico usa raios-X para tirar fotos de seus órgãos internos. Um corante é injetado em suas veias para que ele ou ela possa vê-los com clareza.

Ressonância magnética (MRI) – Este teste usa ímãs e ondas de rádio, para conseguir recriar imagens de seus órgãos.

Angiografia – Este teste usa corantes e raios-X para conseguir observar o interior de suas artérias. Isso pode ajudar seu médico a verificar o dano do bloqueio que há em seus vasos sanguíneos.

Se o seu médico atestar ou achar que pode ter um AAA, ele ou ela pode consultar um especialista para tratamento.

Uma AAA pode ser prevenido ou evitado?

Não é possível evitar que uma AAA se forme no corpo. Mas há passos que você pode tomar para diminuir seu risco de ter essa condição. Esses incluem:

  • Não fumar.
  • Comer sempre uma dieta saudável.
  • Seja fisicamente ativo, pelo menos 150 minutos por semana.
  • Gerenciar outras condições como a hipertensão arterial, que pode ser facilmente controlada com remédio.

Tratamento AAA

O tratamento para um AAA irá depender muito do seu tamanho. Se o seu aneurisma é pequeno, talvez não precise ser tratado ainda. O seu médico pode apenas monitorá-lo usando testes de rotina para verificar o seu progresso. Se o seu médico está preocupado com isso, ele ou ela pode prescrever remédio. Estes podem ser usados ​​para diminuir a pressão arterial ou relaxar os vasos sanguíneos. Isso pode ajudar a impedir que a AAA se rompa.

Se o seu aneurisma é grande ou está crescendo de forma rápida, provavelmente você precisará de cirurgia. Existem dois tipos principais de cirurgia para remover ou reparar AAAs:

Cirurgia abdominal aberta – Esta é a forma mais comum que existe da cirurgia para uma AAA. O cirurgião fará uma incisão (corte) no abdômen. Ele ou ela irá retirar o aneurisma. A parte removida da aorta é substituída por um enxerto feito de material artificial.

Reparo Endovascular – Neste procedimento, o médico coloca um enxerto na aorta para fortalecê-lo. Ele ou ela irá inserir um cateter (tubo) em sua artéria através da perna do paciente. O enxerto será encadeado através do aneurisma e expandido. Isso reforçará a seção fraca da aorta,  e irá permitir que o sangue flua normalmente. Isso ajuda a evitar que o AAA se rompa no futuro.

O tipo de cirurgia que você possui depende de muitos fatores, como idade e condição geral de saúde. Converse com seu médico sobre qual tipo é o melhor para você.

Viver com uma AAA

Se você tem um AAA, é importante manter cuidados médicos regulares. Ouça o seu médico e siga o seu plano de tratamento passado. Ele ou ela pode aconselhá-lo a evitar o carregamento de objetos pesados. Tente evitar situações com altas cargas emocionais ou crises que possam aumentar sua pressão sanguínea. Cuide-se de si mesmo para evitar que o aneurisma se rompa.

Perguntas ao seu médico

  • Se eu já tiver dito um AAA, eu provavelmente vou experimentar outro? Porque?
  • Existem mudanças de estilo de vida que posso fazer para evitar obter outra AAA?
  • A espera é segura? Existe a chance de o AAA irromper?
  • Existem efeitos colaterais de um AAA que eu deveria estar procurando? Quais?
  • O que devo fazer se a minha dor piorar?
  • Devo visitar um especialista? Qual?

Como se forma um aneurisma da aorta abdominal (AAA)?

A aorta é o maior vaso sanguíneo presente no corpo humano. Leva o sangue do coração até a cabeça e os braços e até o abdômen, pernas e pélvis. As paredes da aorta podem inchar como um pequeno balão, se ficarem fracas. Isso é reconhecido pelos médicos como aneurisma da aorta abdominal (AAA) quando acontece na parte da aorta que está no seu abdômen.

AAAs nem sempre causam problemas sérios, mas um aneurisma que se rompeu pode ser fatal. Portanto, se você for diagnosticado com um aneurisma, seu médico provavelmente vai querer acompanhá-lo de perto fazendo exames regulares, mesmo que não intervenha imediatamente.

Quais são os tipos de aneurismas da aorta abdominal?

AAAs são geralmente classificados por seu tamanho, e também pela velocidade com que estão se desenvolvendo. Esses dois fatores podem ajudar a prever os efeitos do aneurisma sobre a saúde do paciente.

AAAs pequenos (aqueles com menos de 5,5 centímetros) ou mesmo de crescimento lento geralmente têm um risco muito menor de ruptura do que os aneurismas maiores (com mais de 5,6 centímetros) ou aqueles que crescem de forma mais rapida. Os médicos geralmente consideram mais seguro monitorá-los com ultrassonografias abdominais regulares do que tratá-los.

AAAs grandes (maiores que 5,6 centímetros) ou de rápido crescimento têm muito mais probabilidade de romper do que aneurismas pequenos ou de crescimento mais lento. Uma ruptura pode levar também a hemorragias internas e outras complicações graves. Quanto maior o aneurisma, maior a probabilidade de ser curado por uma cirurgia. Esses tipos de aneurismas também precisam ser tratados se estiverem causando sintomas, como vazamento de sangue.

O que causa um aneurisma da aorta abdominal?

A causa dos AAAs ainda é atualmente desconhecida. No entanto, alguns fatores mostraram aumentar o risco para eles. Estes incluem:

Fumar

Fumar pode danificar extremamente as paredes de suas artérias, tornando-as mais propensas a inchar. Também pode elevar o risco de pressão alta.

Hipertensão arterial (hipertensão)

A pressão arterial refere-se ao nível de pressão presente nas paredes dos vasos sanguíneos. A pressão alta pode enfraquecer as paredes da aorta. Isso faz com que um aneurisma seja mais provável de se formar.

Inflamação vascular (vasculite)

Inflamação grave dentro da aorta e outras artérias pode ocasionalmente causar AAAs também. Por sorte, isso acontece muito raramente.

Aneurismas podem se formar em qualquer vaso sanguíneo de dentro do seu corpo. Contudo, os AAA são considerados particularmente sérios devido ao tamanho da aorta.

Quem está em risco de um aneurisma da aorta abdominal?

AAAs são mais prováveis ​​de acontecer se você:

  • é do sexo masculino
  • é obeso ou está com excesso de peso
  • tem mais de 60 anos
  • tem uma história familiar de doenças cardíacas e/ou doenças
  • tem pressão alta, especialmente se você tem entre 35 e 60 anos de idade
  • tem colesterol elevado ou acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos (aterosclerose)
  • viver um estilo de vida sedentário por algum tempo
  • teve algum trauma em seu abdômen ou outro dano em seu corpo
  • fumar produtos de tabaco

Quais são os sintomas de um aneurisma da aorta abdominal?

A maioria dos aneurismas não apresenta sintomas de inicio, a menos que eles se rompam. Se um AAA se romper, você pode enfrentar um ou mais dos seguintes sintomas:

  • dor súbita no abdômen e/ou nas costas
  • dor se espalhando de seu abdome ou para sua pélvis, pernas ou nádegas
  • pele úmida e/ou suada
  • aumento da frequência cardíaca
  • choque ou mesmo perda de consciência

Ligue para o seu médico imediatamente se tiver pelo menos um destes sintomas. Um aneurisma roto pode ser fatal.

************************************************************

Propaganda

A Anti-Aromatase inibe o desenvolvimento da enzima que tem a capacidade de converter a testosterona em hormônios femininos. Seu efeito é potencializado com os Fito-hormônios.

As cápsulas de Anti-Aromatase, complemento direto dos nossos FitoHormônios, são feitas a partir de extrato seco de Pomegranate (Romã) e Cúrcuma, sendo utilizadas como auxiliar nos tratamentos de reposição hormonal masculina – com propriedade de inibição da enzima aromatase, enzima que converte a testosterona em hormônios femininos. 

Indicações da cápsula de anti-aromatase
• Inibidor da enzima Aromatase, que converte a testosterona em estrogênio (hormônios femininos). Suplemento nos tratamentos de reposição hormonal, visto que auxilia a manutenção da testosterona no organismo.
• Antioxidante, atuam nos radicais livres das células, responsáveis pelo envelhecimento;
• Anti-inflamatório;
• Propriedades gastrintestinais: hepatoprotetor (protege as células do fígado contra agentes tóxicos), colagogo (estimula a produção de secreção biliar), hipolipidêmico (auxilia no controle dos níveis de colesterol) e antiespasmódico antiespasmódico (inibe movimentos indesejados no estômago, intestino ou bexiga);
• Propriedades cardiovasculares: antiplaquetário (previne a formação de coágulos sanguíneos nas artérias) e diminui os níveis de açúcar no sangue por bloquear a enzima conversora de carboidrato em açúcar;
• Artrite, reumatismo e doenças autoimunes;
• Diminui a inflação por diminuir os níveis de histamina e aumentar os níveis de cortisol. 

Para mais informações, clique aqui.

 

*************************************************************

Diagnosticando um aneurisma da aorta abdominal

AAAs que não se romperam são frequentemente diagnosticados quando um médico está examinando seu abdômen por outro motivo.

Se o seu médico suspeitar que você pode ter um, ele sentirá seu estômago para ver se ele está mais rígido do que deveria ou se contém uma massa pulsante, anormal. Eles também podem analisar o fluxo sanguíneo nas pernas ou usar um dos seguintes testes:

  • Tomografia computadorizada do abdome
  • ultrassonografia abdominal
  • Raio-x do tórax
  • ressonância magnética abdominal

Como tratar um aneurisma da aorta abdominal

Dependendo do tamanho e localização exata do aneurisma, o médico pode solicitar uma cirurgia para reparar ou remover o tecido danificado. Isso pode ser feito com cirurgia abdominal aberta ou mesmo endovascular. A cirurgia realizada dependerá da sua saúde geral do paciente e do tipo de aneurisma.

A cirurgia abdominal aberta é usada para remover as áreas danificadas da aorta. É a forma mais invasiva de cirurgia e tem um tempo de recuperação um pouco mais longo. A cirurgia abdominal aberta pode ser necessária se o seu aneurisma for muito grande, ou se já se rompeu.

A cirurgia endovascular é uma forma de cirurgia um pouco menos invasiva do que a cirurgia abdominal aberta. Envolve o uso de um enxerto para estabilizar as paredes enfraquecidas da sua aorta.

Para um pequeno AAA com menos de 5,5 centímetros de largura, o médico pode decidir monitorá-lo regularmente em vez de solicitar uma cirurgia. Toda cirurgia tem riscos, e pequenos aneurismas geralmente não se rompem.

Qual é a perspectiva de longo prazo?

Se o seu médico solicitar uma cirurgia abdominal aberta, pode levar até seis semanas para se recuperar por completo. A recuperação da cirurgia endovascular leva apenas duas semanas.

O sucesso da cirurgia e recuperação depende muito se o aneurisma tiver sido rompido. O prognóstico geralmente é bom se o AAA for encontrado antes de se romper.

Concentrar-se na saúde geral e também do coração pode impedir um AAA. Isso significa analisar o que você come, se exercita e evita outros fatores de risco cardiovascular, como o tabagismo. Seu médico também pode receitar medicamentos para tratar a pressão alta, o colesterol ou mesmo para ajudá-lo a controlar seu diabetes.

Seu médico pode querer analisá-lo para um AAA quando você completar 65 anos, se você estiver em um risco maior devido ao tabagismo e alguns outros fatores. O teste de analise usa um ultrassom abdominal para escanear sua aorta. É indolor e só precisa ser realizado uma vez.

Recursos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here