Conteúdo

Tenho certeza de que você não tinha ideia de que um nutriente tão rico quanto o licopeno estava escondido à vista de todos, na sua cozinha! Isso mesmo, o licopeno é o rei entre os nutrientes. Tem benefícios variados para a saúde e pode até ajudar na prevenção de doenças mortais e condições como câncer e degeneração macular.

Características do licopeno:

Muitas pessoas não estão cientes da existência e importância desse nutriente em sua dieta. Como resultado, eles perdem em seu papel vital na manutenção de um corpo e mente saudáveis. Aqui estão algumas características que colocam o licopeno no topo do gráfico de nutrientes:

  • É um carotenóide (pigmentos orgânicos que podem ser convertidos em vitamina A)
  • É um fitonutriente (nutrientes orgânicos presentes em plantas que possuem propriedades antioxidantes e antiinflamatórias)
  • É um antioxidante (neutraliza o efeito dos radicais livres nocivos, oxidando-se)
  • Previne danos ao DNA
  • Não pode ser fabricado pelo corpo humano e deve ser incluído em nossa dieta
  • Ele dá a cor vermelha para frutas e legumes como tomate, melância, mamão e grapefruit rosa
  • É um nutriente solúvel em gordura

Fontes de licopeno:

 

Sendo estabelecido que nosso corpo não pode produzir licopeno, é importante saber quais alimentos são as melhores fontes desse nutriente. Embora muitos suplementos vitamínicos incorporem o licopeno nas dosagens recomendadas, é inteligente incluí-lo em sua dieta diária, adicionando todos os alimentos presentes no espectro vermelho. Algumas fontes fáceis de encontrar fontes de licopeno são:

1. Tomate:

A melhor e mais viável fonte de licopeno está bem ali na prateleira de verduras da geladeira. Os tomates contêm a quantidade máxima de licopeno. Quando usado fresco, eles fornecem facilmente a sua necessidade diária de licopeno. Mas, surpreendentemente, quando os tomates são ingeridos na forma de ketchup, sopa e outras formas cozidas, eles liberam três vezes mais licopeno do que a fruta fresca! Lembre-se – quanto mais profundo, mais escuro o tomate, mais carregado de licopeno é.

Licopeno - Benefícios para pele, cabelo e saúde geral

2. Goiaba Cor-de-rosa:

Novamente, a palavra-chave é ‘rosa’ ou ‘vermelha’. Goiabas rosa e vermelhas também têm alto teor de licopeno. Além do licopeno, as goiabas também são boas fontes de vitamina C , ácidos graxos ômega-3 e fibras. Escolha goiabas vermelhas ou rosadas para encher o seu medidor de nutrição sempre que achar que não tem esses elementos vitais.

3. Melância:

Melâncias maduras têm aquele belo tom vermelho que as torna irresistíveis para a maioria das pessoas e por um bom motivo. O cérebro está bem sintonizado para reconhecer alimentos coloridos como boas fontes de diferentes vitaminas e nutrientes. A presença de licopeno faz com que este fruto simplesmente aquoso seja o preferido entre muitos. É também um bom diurético e fonte de fibra.

 

4. Mamão:

A razão pela qual você deve ter este fruto é que é uma excelente fonte de licopeno. Para aqueles que não têm acesso a goiabas cor de rosa, as papaias lhe darão a mesma quantidade de Licopeno. Então, junte sua coragem e experimente esta fruta tropical amarelo-avermelhada.

5. Toranja Rosa:

Sim, temos a toranja  ‘rosa’! Este fruto ligeiramente amargo é uma mina de ouro de vitamina C e licopeno; quase tanto quanto um tomate. Esta fruta também é conhecida por suas propriedades de absorção de colesterol.

Cuidado:  Pessoas propensas a pedras nos rins devem evitar essa fruta.

Benefícios da pele do licopeno:

 

Nutricionistas e especialistas em nutrição têm vindo divulgar os muitos benefícios do licopeno para a pele. De curar queimaduras solares a reduzir o risco de câncer de pele, esse nutriente faz tudo. Aqui estão alguns benefícios para a pele do licopeno:

1. Danos na Pele Induzidos por UV:

É de conhecimento geral que a UV-A é responsável pela maior parte dos danos à pele causados ​​pela exposição ao sol, uma vez que penetra profundamente na pele, e a UV-B é a que provoca queimaduras solares, uma vez que é mais tópica. Pesquisas mostraram que o uso de alimentos com alto teor de licopeno na dieta, além de filtros solares, pode reduzir os danos à pele causados ​​pela exposição aos raios UV-A e UV-B.

2. Propriedades antienvelhecimento:

Quando ingerido, o licopeno é convertido em vitamina A ou Retinol pelo organismo. O retinol é uma das melhores maneiras de reduzir os efeitos do envelhecimento, pois promove a produção de colágeno e melatonina, os quais regulam a saúde geral da pele.

3. Redução da vermelhidão da pele:

O licopeno demonstrou reduzir o eritema ou vermelhidão da pele em grande medida. Também pode acalmar a pele áspera, promovendo o crescimento de novas células da pele.

4. Clareamento da pele:

A natureza suave do licopeno promove o funcionamento da melanina, que regula a cor da pele. Mostrou-se reduzir o escurecimento da pele e manchas da idade.

5. Propriedades antioxidantes:

O licopeno é um poderoso antioxidante e o fato de ser puramente natural e orgânico o torna ainda melhor para a pele. As propriedades antioxidantes do licopeno são duas vezes mais altas que as do beta-caroteno. Portanto, ele pode ser usado para uma desintoxicação mais rápida e eficaz de todo o corpo, incluindo a pele.

Benefícios do cabelo de licopeno:

Visto pelos cientistas como células da pele, o cabelo é provavelmente a maior causa de preocupação, além da pele, para as massas. Milhões de pessoas em todo o mundo estão gastando milhões de dólares em problemas de cabelo, como pontas duplas, envelhecimento prematuro, caspa e perda de cabelo. Pesquisadores, felizmente, encontraram uma relação positiva entre o uso de licopeno e a saúde do cabelo.

6. Solução para perda de cabelo:

Perda de cabelo, especialmente nos homens está ligada a um excesso de di-hidrotestosterona química ou DHT. Uma boa ingestão diária de alimentos ricos em licopeno pode ajudar o corpo a reduzir o excesso de DHT do sistema e retardar o processo de perda de cabelo e calvície padrão masculino.

7. Crescimento do cabelo:

Promover o crescimento de cabelos saudáveis é provavelmente um dos principais desejos da lista de todos hoje. Estudos têm demonstrado que uma ingestão saudável de licopeno pode melhorar a capacidade do couro cabeludo para apoiar o crescimento de cabelo saudável, que é menos suscetível a quebra e queda.

8. Vários problemas relacionados ao couro cabeludo:

Suplementos de licopeno são prescritos por médicos para tratar problemas no couro cabeludo, como dermatite de couro cabeludo, psoríase do couro cabeludo e Tenia do couro cabeludo.

Benefícios de saúde do licopeno:

O licopeno não só tem efeitos positivos profundos na pele, mas também tem um propósito muito mais alto, atuando como uma medida preventiva contra muitos distúrbios e doenças graves e potencialmente fatais. Médicos e pesquisadores elogiam os muitos benefícios dos alimentos ricos em licopeno e suplementos quando se trata de questões de saúde como:

9. Doença Cardíaca:

O assassino número um, a doença cardíaca, está frequentemente ligado à presença de excesso de colesterol no organismo. O alimento rico em licopeno, se tomado regularmente, impede a oxidação do colesterol LDL ( colesterol ruim), impedindo que ele entupisse as artérias.

10. Câncer de Próstata:

Conhecido por estar entre os três principais tipos de câncer em homens, o câncer de próstata pode ser possivelmente evitado por uma ingestão saudável de licopeno. Para pessoas que já sofrem de câncer de próstata e remoção da próstata, uma dieta rica em licopeno é prescrita 2-3 semanas antes da cirurgia para reduzir e controlar a remissão do câncer e a proliferação de células cancerígenas.

11. Vários outros cancros:

Como o câncer de próstata, o uso de licopeno tem demonstrado benefícios na ocorrência de câncer de mama, pele, fígado e pulmões. A razão exata pela qual o licopeno é uma boa medida preventiva contra tantos tipos de câncer que ameaçam a vida ainda está sendo pesquisada.

12. Infertilidade entre os homens:

Pesquisas indicam uma alta correlação entre a ingestão regular de alimentos ricos em licopeno e aumento da contagem de espermatozóides entre os homens. A pesquisa está sendo conduzida para ver os efeitos do licopeno na cura da infertilidade entre os homens.

13. Diabetes:

Embora a pesquisa ainda seja muito rudimentar nesta área, descobriu-se que o licopeno tem alguns benefícios positivos no tratamento do diabetes tipo II, reduzindo os níveis de glicose no sangue e reduzindo o estresse oxidativo através de suas propriedades antioxidantes.

 

14. Degeneração Macular:

Esta é uma das principais causas de cegueira em todo o mundo, o que causa uma perda gradual da visão no centro do campo visual. O licopeno ajuda na manutenção da saúde geral dos olhos e na prevenção da degeneração macular ao fornecer ao corpo uma dose saudável de Retinol ou Vitamina A.

15. Osteoporose:

Isso é tradicionalmente um problema de mulher. Mais de 200 milhões de mulheres sofrem de osteoporose em todo o mundo. Estudos recentes mostraram que a adoção de uma dieta rica em licopeno evita a fragilidade e a magreza dos ossos – a principal causa por trás da osteoporose.

16. AVC:

Alimentos ricos em licopeno podem ajudar a torná-lo menos suscetível a derrame. As propriedades antioxidantes do licopeno protegem-no inibindo a formação de coágulos sanguíneos, que são a principal razão por trás dos derrames. Além disso, o licopeno também tem efeitos anti-inflamatórios nos vasos sanguíneos dentro do cérebro, o que também atua como uma proteção contra o derrame.

17. Sistema Imunológico:

O licopeno é um estimulador para o mecanismo de defesa do corpo ou o sistema imunológico. O sistema imunológico é persuadido pelo licopeno a agir mais rápido na destruição de microorganismos causadores de doenças.

 

18. Transtornos Neurológicos:

A presença constante de licopeno na dieta tem sido associada à prevenção de distúrbios cerebrais e neurológicos, como a doença de Alzheimer, a demência vascular e a doença de Parkinson. Isso é feito reduzindo possivelmente o desgaste do tecido cerebral por oxidação.

Licopeno Sintético:

Embora se pode obter licopeno muito facilmente de uma dieta saudável, os médicos prescrevem frequentemente o uso de licopeno sintético também. Existem muitos suplementos à base de licopeno facilmente disponíveis no mercado. No entanto, antes de escolher suplementos de licopeno, você deve avaliar:

  • Suas fontes alimentares atuais de licopeno
  • A dosagem necessária para compensar a ingestão natural reduzida
  • Outros ingredientes do suplemento e suas possíveis reações alérgicas a eles
  • Faixa de preço das marcas disponíveis
  • Possíveis efeitos colaterais
  • Riscos de overdoses de licopeno

Efeitos colaterais de licopeno:

O licopeno, embora seja visto como uma maravilha da natureza, também pode produzir efeitos colaterais em alguns casos. Estes incluem diarréia, dispepsia, gases, náuseas e vômitos, embora a ocorrência desses efeitos colaterais seja muito rara. Esta é uma boa razão pela qual as fontes naturais de licopeno são as melhores.

O uso excessivo de licopeno é prejudicial?

A resposta para isso é: Sim, o uso excessivo de qualquer coisa pode representar ameaças potenciais à saúde e ao bem-estar. Se você tomar quantidades excessivas de licopeno, você pode experimentar:

  • Pigmentação da pele (uma tonalidade alaranjada na pele)
  • Desequilíbrios do sistema imunológico (imunidade contra alguns micróbios, levando à incapacidade de afastar algumas doenças)
  • Alergias (inchaço, comichão, dificuldade em respirar, urticária e erupções cutâneas)
  • Problemas gastrointestinais (inchaço, gases, náuseas e indigestão)

No entanto, estes riscos para a saúde são muito raros e ocorrem apenas quando a ingestão diária de licopeno é muito maior do que a dose recomendada durante um longo período de tempo.

As pessoas muitas vezes tomam sua dieta e nutrição como garantidas e perdem nutrientes vitais que são cruciais para uma boa saúde. A imensa quantidade de pesquisas em andamento no campo do licopeno prova que as pessoas sempre precisam provar os benefícios de uma determinada coisa antes de perceber seu verdadeiro valor. No entanto, se eles se referem à sabedoria milenar e aos ditos tão simples e comuns como “coma cenouras para melhorar sua visão e pele”, eles perceberiam que este ditado está, de fato, falando dos benefícios do licopeno, entre outras coisas.

O consumo de suplementos e pílulas que contêm licopeno parece um exercício desnecessário quando é tão abundantemente disponível na natureza. Então, antes de ir à procura dos melhores suplementos de licopeno, comprimido ou mesmo licopeno sintético, confira sua geladeira e cozinha.

Não procure mais do que seu próprio laboratório doméstico na sua cozinha, e cozinhar os alimentos vermelhos e laranjas para acessar seu reservatório de licopeno.

O que é o licopeno?

O licopeno é um poderoso antioxidante, o que significa que, entre os nutrientes, tem uma capacidade maior do que a média de “saciar” os radicais livres que causam danos às células. O dano excessivo dos radicais livres tem sido implicado no desenvolvimento de doenças cardíacas, doença de Alzheimer e muitos tipos de câncer, bem como no envelhecimento acelerado. O licopeno é um carotenóide, responsável por dar muitas frutas e legumes – especialmente tomates – sua cor vermelha. Também é abundante em cenouras vermelhas, melancias, papaias e toranja rosa.

Por que é necessário?

Embora benéfico, o licopeno não é considerado um nutriente essencial para os seres humanos. Pesquisas preliminares mostram que o licopeno pode ajudar a prevenir doenças cardíacas, aterosclerose e até câncer de mama e próstata. Também pode ser o carotenóide mais poderoso contra o oxigênio singlete, uma molécula de oxigênio altamente reativa e uma das principais causas do envelhecimento prematuro da pele. O licopeno também é encontrado nas membranas celulares e desempenha um papel importante na manutenção da integridade da célula quando está sob ataque por toxinas. Algumas pesquisas sugeriram que o licopeno pode aumentar as concentrações de espermatozóides em homens com infertilidade e menor risco de câncer de próstata.

Quais são os sinais de uma deficiência?

O licopeno não é um precursor da vitamina A , portanto, os sinais de deficiência de vitamina A não podem ser aplicados. Na verdade, sinais imediatos de deficiência são difíceis de ver, mas a ingestão inadequada de licopeno e outros carotenóides em geral, ao longo de um período de tempo pode levar ao desenvolvimento de doenças crônicas, como doença cardíaca e vários tipos de câncer. No entanto, existem tantas causas potenciais para essas condições que é impossível associá-las definitivamente a uma deficiência de licopeno.

Quanto e que tipo precisa um adulto?

O licopeno é um carotenóide e, embora não exista um valor diário para o licopeno, o Dr. Weil recomenda a inclusão de 15.000 UI (9 mg) de carotenóides mistos suplementares por dia para adolescentes e adultos. Ao tomar carotenóides, procure uma fórmula que inclua o licopeno.

Qual o recomendado para uma criança?

O Dr. Weil recomenda que crianças entre seis e 12 anos incluam 5.000 UI (3 mg) de carotenóides mistos como parte de seu multivitamínico diário. No entanto, você deve sempre consultar o pediatra do seu filho antes que ele tome suplementos.

Como você obtém o suficiente de alimentos?

A ingestão regular de frutas vermelhas e vegetais é a melhor maneira de garantir que você está obtendo licopeno suficiente em sua dieta.

Tomates e alimentos preparados à base de tomate são a fonte mais comum de licopeno em uma dieta típica americana e podem responder por até 85% da ingestão típica. Para aqueles que não gostam ou são alérgicos ao tomate, estudos recentes mostraram que a melancia é uma fonte excelente e bem tolerada por muitas pessoas. É importante ressaltar que, ao contrário de outros nutrientes que podem diminuir ou degradar quando aquecidos, a biodisponibilidade do licopeno aumenta com o cozimento. Esta é uma das razões que o Dr. Weil recomenda contra as dietas de alimentos crus – elas dificultam a ingestão suficiente de licopeno para obter todos os benefícios de seus efeitos potenciais à saúde.

Existem riscos associados ao consumo excessivo?

Não há riscos conhecidos de tomar grandes quantidades de licopeno. A ingestão excessiva de licopeno tem sido associada à descoloração temporária da pele em tons de laranja chamada licopenodermia, mas não é perigosa e a cor da pele retorna ao normal após a redução da ingestão.

Existem outras considerações especiais?

  1. Embora sejam vermelhos, os morangos e as cerejas não contêm licopeno.
  2. O licopeno é lipossolúvel, portanto, um multivitamínico contendo esse nutriente é melhor tomado com alimentos que contenham gordura.

Benefícios para a saúde do licopeno

O licopeno é a substância natural (parte do grupo dos carotenóides) responsável pela cor vermelha intensa em muitos alimentos, principalmente no tomate. No entanto, este fato não é o que torna o licopeno famoso. A maioria das pessoas está familiarizada com o licopeno por causa dos muitos benefícios de saúde que proporciona, como um agente de combate ao câncer e um poderoso antioxidante.

Visão geral do licopeno

Foi somente no final do século XX que a investigação dos benefícios para a saúde do licopeno começou. No entanto, por um período tão curto de tempo, cientistas e pesquisadores médicos estabeleceram o papel significativo que desempenha na saúde humana. Você pode encontrar licopeno em certos vegetais e frutas. Uma vez que você consuma os alimentos com licopeno, seu corpo irá usá-lo como um antioxidante. No entanto, para o seu corpo se beneficiar, você precisa comer o suficiente dos alimentos que contenham licopeno. As frutas e legumes que são grandes fontes desta substância podem ser facilmente adicionados ao seu regime diário de saúde. A seguir estão alguns alimentos que contêm alta concentração de licopeno:

  • Tomates
  • Toranja rosa
  • Goiaba Rosa
  • Melancia
  • Mamão

Como funciona o licopeno

O licopeno é alegadamente um antioxidante mais eficaz do que outros dos seus primos carotenóides, que incluem o beta-caroteno. Suas poderosas ações antioxidantes são eficazes na manutenção da força, espessura e fluidez das membranas celulares. As membranas celulares são os guardiões das células. Eles são responsáveis ​​por rastrear o que entra e sai das células. Eles permitem bons nutrientes e removem o lixo celular e impedem que as toxinas entrem nas células. As membranas celulares fortes e saudáveis ​​são vitais na prevenção de muitas doenças.

Benefícios para a saúde

Licopeno - Benefícios para pele, cabelo e saúde geral

O licopeno é bem conhecido especificamente para ajudar a prevenir muitas formas de câncer, bem como a prevenção e tratamento de muitas doenças e doenças, tais como:

  • Doenças cardíacas – O licopeno impede que o colesterol LDL seja oxidado por radicais livres e, por sua vez, não pode ser depositado nas placas que estreitam e endurecem as artérias.
  • Pesquisas sobre infertilidades sugerem que o licopeno pode ajudar no tratamento da infertilidade. Resultados de testes mostraram que o licopeno pode aumentar a concentração de espermatozóides em homens
  • Ajuda a prevenir o diabetes
  • Previne degeneração macular relacionada à idade e catarata
  • Previne o envelhecimento da pele e mantém a aparência mais jovem
  • Atua como protetor solar interno e protege sua pele das queimaduras solares
  • O licopeno também é conhecido por ajudar a prevenir a osteoporose

Suplemento dietético e efeitos colaterais

O licopeno está disponível como suplemento dietético em formulações mistas ou por si só. Está normalmente disponível em forma de gel macio e é à base de óleo. Atualmente não há efeitos colaterais relatados de comer alimentos que são ricos em licopeno ou tomar suplementos dietéticos de licopeno. Para estar no lado seguro, porém, você deve sempre seguir a dosagem padrão prescrita. Extrato de tomate também é outra forma de suplemento de licopeno que está se tornando popular e de grande venda.

O licopeno é uma substância que tem muitos benefícios à saúde para você e seu corpo. A maioria das agências de saúde encoraja os indivíduos a aumentarem a ingestão de alimentos com altos níveis de carotenóides, inclusive o licopeno.

Garantir que você obtenha bastante licopeno é importante para qualquer dieta, mas antes de começar a suplementação, é melhor conhecer todos os fatos.

De onde vem o licopeno?

O licopeno é um pigmento carotenóide, normalmente associado à cor, e é um fitoquímico ativo em muitas frutas e legumes , como cenouras e tomates . O produto químico é conhecido principalmente por sua capacidade de coloração, mas também é um precursor muito importante para outros antioxidantes e compostos no corpo. A capacidade deste carotenóide para afetar tantas áreas da saúde faz com que seja uma das melhores adições que podemos fazer à nossa dieta. A pesquisa ainda está em andamento quanto à gama de benefícios de saúde que este composto pode conter para nós. Há muitas razões para comer alimentos coloridos , mas a ingestão de licopeno pode estar entre as mais importantes.

Benefícios Do Licopeno

O licopeno tem muitos benefícios que incluem:

  • Menor risco de inflamação
  • Risco reduzido de doença crónica
  • Melhoria da visão
  • Aumento na densidade mineral óssea
  • Menor risco de coronárias cardíacas doenças
  • Atrasos no aparecimento de doenças neurodegenerativas

Melhora a visão

O licopeno é um poderoso [ 6 ]  fitonutriente, um antioxidante com a capacidade de neutralizar os radicais livres em partes importantes do corpo, o que ajuda a prevenir a inflamação crônica e doenças. Antioxidantes como o licopeno são responsáveis ​​por melhorar a visão, proteger a pele e até diminuir o risco de câncer .

Alivia a dor neuropática

A neuropatia pode ser extremamente dolorosa e muitas vezes debilitante para aqueles que sofrem com isso. Felizmente, a pesquisa constatou que o aumento dos níveis deste [ 5 ]  carotenóide pode ajudar a aliviar a dor e até mesmo induzir a cura nos nervos.

Doença Neurodegenerativa

Antioxidantes como o licopeno são capazes de prevenir a quebra das vias neurais. Isso acontece à medida que envelhecemos e também quando estamos expostos a um excesso de radicais livres. Ao eliminar a inflamação no cérebro, este antioxidante pode prevenir ou retardar o aparecimento de doenças neurodegenerativas, como Alzheimer  e [ 4 ]  doença de Parkinson.

Densidade mineral óssea

À medida que envelhecemos, nossos ossos começam a perder sua densidade mineral óssea  [ 3 ] , tornando-se mais frágeis e fracos. Isso torna os ossos mais fáceis de quebrar e mais lentos para curar. Este carotenóide comprovadamente melhora a densidade óssea e a absorção mineral, o que pode ajudá-lo a se sentir mais jovem e mais forte.

Câncer

Alimentos contendo licopeno são muitas vezes as opções mais saudáveis ​​em nossa dieta – alimentos coloridos brilhantes são conhecidos por ajudar a prevenir o câncer . A presença deste composto irá impedir o [ 1 ]  o crescimento de certos tumores cancerosos, ou mesmo inverter o crescimento e ajudar a induzir a apoptose.

Saúde do coração

Ingestão de alimentos que contêm este [ 2 ]  antioxidante está ligada à redução da pressão sanguínea e o reforço da integridade dos vasos sanguíneos e artérias. Isso reduzirá o risco de doença coronariana.

Fontes Alimentares De Licopeno

Este carotenóide é extremamente importante para manter e melhorar a saúde, mas, felizmente, pode ser encontrado em muitos alimentos comuns. As principais e mais acessíveis fontes de licopeno incluem o seguinte:

  • Mamão
  • Manga
  • Melancia
  • Toranja
  • Tomates
  • Cenouras

Basicamente [ 7 ] , se a comida é naturalmente vermelha ou laranja, há uma boa chance de ser embalada com este carotenóide essencial.

Em termos de dosagem, não há diretrizes formais em vigor, simplesmente porque é consumido tão raramente em forma de suplemento. A quantidade de frutas e verduras que você come todos os dias deve ser de 4 a 5 porções, portanto o licopeno deve, teoricamente, fazer parte de sua dieta diária. Se você estiver pensando em usar um suplemento de licopeno, eles geralmente não devem exceder mais de 30mg por dia. Além disso, a suplementação prolongada deve ser evitada, pois a gama completa de efeitos colaterais é desconhecida.

Efeitos Colaterais De Licopeno

Existe uma quantidade limitada de estudos sobre os efeitos do consumo excessivo de licopeno, mas alguns dos riscos são conhecidos por incluir complicações na gravidez, bem como um aumento do risco de certos tipos de câncer, entre outros.

  • Gravidez: tem havido uma pesquisa limitada sobre os efeitos que este carotenóide pode ter na gravidez, mas quantidades normais em fontes dietéticas devem ser boas. Fale com um médico antes de adicionar este suplemento ao seu regime de saúde.
  • Problemas Gastrointestinais: Algumas pessoas relatam diarréia , constipação , náusea, inchaço e cólicas ao tomar suplementos desse carotenóide, mas a ingestão dietética normal não deve causar efeitos colaterais negativos.
  • Reações alérgicas: Se você é alérgico a tomates, provavelmente é melhor não consumir este suplemento, pois algumas pessoas têm alergia ao licopeno, embora isso seja bastante raro.

Referências

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here